22 Jun

Grupo Razões Africanas

Trapiche Gamboa

Composto pelas cantoras Lazir Sinval, Dely Monteiro e Luiza Marmello (também integrantes do consagrado grupo “Jongo da Serrinha” ao lado da Tia Maria do Jongo), músicos de mão cheia (Marcos Rum, Anderson Vilmar e Marcello Mattos – percussão, Rafael do Cavaco e Fábio Pereira – harmonia) e tambores que já guardam história, o grupo Razões Africanas garante há alguns anos as já tradicionais e contagiantes noites de quinta do Trapiche.
Eles promovem uma roda com muito jongo, ijexás, samba, maracatu e canções em língua africana, realizando um resgate e valorização da nossa cultura. É um encontro de vozes, sons e energias que vibram em torno do legado da Mãe África à nossa terra, carregado de encantamento e umbigada!

Rua Sacadura Cabral, 155 Gamboa Centro
R$25 Orientação Segura:

O Trapiche está na renascida Zona Portuária, próximo ao Cais do Valongo e dos Jardins Suspensos criados por Pereira Passos. História carioca na veia, para você visitar antes de cair no samba. Há estacionamento e ponto de táxi próximo à casa.

23 Jun

Luiza Dionísio

Carioca da Gema

Luiza Dionizio é hoje uma das grandes cantoras de samba que se apresentam no Carioca da Gema. Está abrilhantando as noites de sexta com muita energia e animação! Canta sucessos de Luiz Carlos da Vila, Toninho Geraes, Clara Nunes, João Nogueira, entre outros.

Rua Mém de Sá, 79 Lapa Centro
R$30 Orientação Segura:

A região tem dois grandes estacionamentos na Rua do Lavradio, a poucos metros da casa, mas a melhor opção é utilizar transporte público ou taxis, sempre disponíveis em fila organizada na porta da Casa de Show.

23 Jun

Pretinho da Serrinha comanda a noite na Lapa

Rio Scenarium

Pretinho começou nesse universo da música cedo, aos 10 anos já se tornava o mais novo Mestre de Bateria da Escola de Samba Império Serrano, onde ficou até chegar à vida adulta e começar a tocar com vários artistas. Dona Ivone Lara, Marcelo D2, Dudu Nobre, Seu Jorge, Arlindo Cruz, Lulu Santos, Teresa Cristina, Jorge Aragão, Marisa Monte, Zélia Duncan, esses são alguns nomes com quem o carioca já tocou na sua carreira.

Hits na voz de Seu Jorge como “Burguesinha”, “Amiga da Minha Mulher”, "A Doida", “Mina do Condomínio”, ‘’Felicidade’’ e “Alma de Guerreiro (Salve Jorge) “ na voz de Seu Jorge compostos em parcerias com ele, dão um pouco dessa dimensão. Além desses, Pretinho também foi gravado por Preta Gil e Ivete Sangalo no DVD – Bloco da Preta, Xande de Pilares, Diogo Nogueira, Dudu Nobre, Grupo Fundo de Quintal, Jota Quest, Paula Lima, Thais Macedo, Gabriel Moura, Rogê, entre outros.

Rua do Lavradio, 20 Lapa Centro
R$45 Orientação Segura:

Num canto da Rua do Lavradio, na Lapa, uma casa com jeito de antiquário faz sucesso entre os amantes da música mais carioca. Chegue cedo, para curtir o ambiente sedutor de um lugar muito especial. Melhor usar táxi ou ônibus - os poucos estacionamentos da região são muito caros.
Ao caminhar pelas apinhadas ruas do bairro boêmio, cuidado com bolsas, carteiras e celulares. Os furtos são muito comuns na região.

24 Jun

Ana Costa

Carioca da Gema

Ana Costa, a grata revelação do velho samba, vem para mostrar, com talento, charme e simpatia, músicas do seu 3º cd “Hoje é o melhor lugar” - recém lançado pela gravadora Biscoito Fino em pareceria com a Zambo Produções - como Peso e Medida (Alceu Maia e Zé Katimba), Filosofia de Vida (Martinho da Vila, Marcelinho Moreira e Fred camacho), As Coisas que Mamãe me Ensinou (Leci Brandão e Zé Mauricio),Por um dia de Graça (Luiz Carlos da Vila) e O que é o que é (Gonzaguinha), sucessos de discos anteriores como Semente do Samba (Eduardo Medrado e Kleber Rodrigues), Não Importa mais o dia (Ana Costa, Bianca Calcagni e Agrião), Batendo Perna (Ana Costa e Agrião), Coisas Simples (Cláudio Jorge e Elton Medeiros) e Quer Amar Mamãe (Martinho da Vila), além de sucessos de compositores consagrados como Cartola, Nelson Cavaquinho, Chico Buarque entre outros.

Rua Mém de Sá, 79 Lapa Centro
R$R$ 35 Orientação Segura:

A região tem dois grandes estacionamentos na Rua do Lavradio, a poucos metros da casa, mas a melhor opção é utilizar transporte público ou taxis, sempre disponíveis em fila organizada na porta da Casa de Show.