Beija-Flor e Grande Rio (com Ivete) na Passarela

O domingo de ensaios técnicos promete casa superlotada na Sapucaí, para ver passar a Beija-Flor e a Grande Rio. As representantes da Baixada Fluminense no Grupo Especial prometem atrações sedutoras para o principal treino pré-desfile. A azul e branco de Nilópolis ostenta um dos grandes sambas do ano, sob o enredo “Iracema, a virgem dos lábios de mel”. Sua mítica comunidade canta com entusiasmo impressionante o hino do refrão “Pega no amerê, aretê, anamá”. Dá gosto de ver.

Mas a grande atração fechará a noite na Sapucaí. Ivete Sangalo, protagonista do enredo da Grande Rio, estará no ensaio da escola, para arrebatar o público das arquibancadas. Com ela, há outras atrações: o samba estilo “sai do chão, Salvador”, a bateria afinada de Thiago Diogo e o emergente intérprete Emerson Dias. Vai ser uma torrente de alegria.

A noite começa logo que o sol do verão se for, com a Império da Tijuca e seu enredo sobre Xangô.

ORIENTAÇÃO SEGURA
Para aproveitar ao máximo, chegue cedo. Os melhores lugares, próximos aos recuos da bateria, lotam rapidamente. É possível também ficar nas frisas, em pé, para sentir de pertinho o pulsar dos bambas. O espaço também fica cheio bem antes de começar o paticumbum. A entrada, você sabe, é gratuita.
Duas estações de metrô – Praça Onze e Central – são vizinhas à Passarela do Samba. Pena que só serve para a ida – a insensível encerra o serviço às 23h. Pela vizinha Presidente Vargas, passam ônibus para toda a cidade e região metropolitana. Não se descuide de carteira, bolsa e celular.